Entrevista - Cradle Of Filth: Dani fala sobre novo álbum da banda

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Entrevista - Cradle Of Filth: Dani fala sobre novo álbum da banda

Mensagem  PapaNJam em Dom Fev 22, 2009 12:36 am

Simon Milburn do australiano The Metal Forge recentemente conduziu uma entrevista com o vocalista Dani "Filth" Davey da britânica banda extrema CRADLE OF FILTH, que falou sobre seu último trabalho, "Godspeed On The Devils Thunder".


--------------------------------------------------------------------------------
(Nota do editor: um pequeno trecho desta matéria já foi publicado há alguns dias)

Sobre o fato de o novo LP da banda, "Godspeed On The Devils Thunder", inicialmente não ter sido planejado como um álbum conceitual:

"Não foi antes de nós termos composto quase metade das músicas que nós decidimos que seria uma boa idéia que tomasse aquela direção. Tinha um puta feeling pra isso, muito atmosférico, e aquilo me levou a buscar o ideal Gilles de Rais, porque para mim, muito das atmosferas eram remanescentes dos nossos trabalhos anteriores e desde então, eu pesquisei algumas antigas anotações, amostras de letras, que eu guardei desde os dias de 'Cruelty and the Beast' e já se passaram dez anos desde o lançamento deste álbum, então parecia que os astros estavam certos. Nós já tínhamos decidido com quem íamos fazer o álbum - decidimos que Andy Sneap era o cara. Ele tinha dito o quanto ele queria gravar o disco. Então estava tudo preparado. Mas só na metade do caminho, com metade das músicas compostas, eu diria, nós decidimos fazer um álbum conceito sobre Gilles de Rais, eu tinha feito uma pesquisa sobre ele no passado e pensei 'Bem, já fazem dez anos desde 'Cruelty And the Beast' e eu sei que é outro serial killer medieval, promíscuo e aristocrata, mas é algo que pode ser a base para um sombrio conto de fadas, e já se passaram dez anos.' Então eu fiz contato com um amigo meu, Gavin Badley, que é um historiador ocultista, e perguntei a ele quais eram os melhores livros sobre o assunto para se ler, e que nos elevariam a um novo plano de entendimento sobre o assunto e foi daí em diante realmente".

Sobre se há planos de tocar o álbum em sua totalidade num futuro próximo:

"Talvez. Eu fui ver o Iron Maiden fazer a mesma coisa com 'A Matter Of Life And Death' e foi completamente chato e a maioria do público estava entediada também. Então, eu não sei realmente. Quando nós vamos para a Austrália, as pessoas esperam que toquemos o set que elas querem ouvir - os hits, realmente. Eu quero dizer, seria uma idéia, yeah, e há algumas conversas sobre fazê-lo, mas ainda está em seus primórdios, e ainda não começamos a turnê deste álbum ainda, mas pode ser algo que a gente faça".

Sobre as várias mudanças na formação que a banda sofreu no decorrer dos anos:

"Yeah, pode parecer meio confuso. Mas é uma daquelas coisas que você supera. Eu penso que as pessoas parecem esquecer que nós trabalhamos constantemente durante o ano, e aí vem um e diz, 'Oh, mas você tem um baterista novo neste álbum', e a gente fala, 'Bom, não, na verdade ele está na banda há dois anos e meio'. É um tempo muito longo quando você faz um show depois do outro, vai pro estúdio, fala com a imprensa, e tudo mais que acontece com a banda. Às vezes eu acho que é como as pessoas trabalham em revistas. A revista ainda tem o mesmo nome, a mesma aparência, fazendo a mesma coisa no gênero em que a revista se encaixa. Mas, no caminho, haverão diferentes editores, diferentes profissionais, e o mesmo lugar, e infelizmente essas coisas acontecem. Às vezes, as pessoas não são boas o suficiente para continuar, ou acham que o trabalho é muito árduo, ou querem passar o tempo com a família, ou voltar para a faculdade. É uma daquelas coisas que acontecem para manter o motor rodando continuamente".

Sobre o relacionamento da banda com sua gravadora, Roadrunner Records:

"Yeah, (é) legal. Quero dizer, tem as mesmas falhas que qualquer outro selo eu acho, mas parece que estamos nos dando bem com eles. Na verdade é o nosso terceiro e teoricamente último disco, se for este o caso, do qual nós ainda nem começamos a falar. Nós temos mais um ano e meio para fazer a turnê, então, é apenas algo para que nós e nossos diretores se dirijam quando chegar a hora".

PapaNJam

Mensagens : 2854
Data de inscrição : 03/04/2008
Localização : Lisboa

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum